Férias Coloridas 5 – Relato do 2.º Turno

O 2.º Turno do nosso Férias Coloridas 5 teve mais azar com o tempo e a praia, então, tiveram de passear mais de noite. Importaram-se muito com isso, como relata o secretário oficial… Leiam aqui os detalhes:

No dia 12 a 19 de setembro de 2022 vivemos na nossa tão esperada Colónia de Férias. Este ano fomos até São Martinho do Porto! Devido ao tempo de chuva nesses dias fomos visitar o Moinho do Papel, o Museu de Leiria, o Museu da imagem em Movimento, AgroMuseu Municipal Dona Juliana, o Castelo de Leiria e vimos no cinema o filme “Curral de Moinas”. Foi muito bom, adorámos.

Também vimos o Mosteiro da Batalha e o Mosteiro da Alcobaça. Foi giro, mas apanhámos uma seca. Mas a partir de sexta-feira tivemos sorte… abriu o tempo e fomos às praias de Salir do Porto e, claro, à praia de São Martinho do Porto e foi muito fixe. Até um dia tivemos oportunidade de ver um casamento civil na praia de São Martinho do Porto.

O que nós adorámos mais foram as noitadas, ir à discoteca, ao karaoke, a San Martiné e entre outras coisas. Divertimo-nos imenso até às tantas. No penúltimo dia a Tatiana e a Mariana fizeram-nos uma grande surpresa que foi ficarmos todo o dia na praia de São Martinho do Porto, a ver o pôr do sol, e depois fomos comer ao McDonald’s. E por fim agradecemos a Tatiana e a Mariana pelos momentos e brincadeiras que tivemos juntos.

O Férias Coloridas é co-financiado pelo Programa de Financiamento a Projetos do INR, IP (Projeto 299/2022)

Férias Coloridas 5 – Relato do 1.º Turno

As férias coloridas são momentos inesquecíveis. As deste ano estão muito bem detalhadas no relato do primeiro grupo. Ora leiam lá…

Sábado, dia 3, saímos da CERCIMIRA todos animados e fomos ao Parque Aquático de Pombal. Estivemos na piscina e no jacuzzi, mas estava vento e a água fria. O que nós gostámos mais foi da água quente do jacuzzi. Neste dia almoçamos hambúrguer. Durante a tarde a Luciana e o Luís acompanhados pelo Fausto foram a um escorrega aquático grande. O Fausto teve medo. No final do dia viemos para a pousada em Alfeizerão, a casa do Melgaço. No caminho passámos na churrasqueira em São Martinho do Porto e comprámos o jantar, frango de churrasco com arroz e batatas fritas. Depois chegámos a casa e arrumámos tudo, tomámos banho, jantámos e fomos dormir.

Acordámos no Domingo dia 4 e durante a manhã fomos tomar banho na piscina da casa. Foi maravilhoso, brincámos com a bola, descansámos, entre outras brincadeiras. Fomos fazer o almoço e durante a tarde fomos visitar a praia de São Martinho do Porto. Na praia estava muito vento, a água tinha muitas algas. No mar havia um grande insuflável, fomos a água estava muito fria. No final do dia regressámos à nossa pousada, fizemos o jantar que foi carne estufada com massa, ervilhas e cenouras. À noite fomos passear à cidade das Caldas da Rainha. Na rua tirámos fotos com estátuas. Na volta, passámos por uma loja onde tinha aquelas figuras tradicionais das Caldas da Rainha. Viemos para a pousada dormir.

Dia 5, Segunda-feira acordámos, tomámos o pequeno almoço. Saímos em direção, outra vez, às Caldas da Rainha para visitar o Parque Dom Carlos I. Vimos as árvores, tartarugas no lago e um edifício antigo. Também estivemos a fazer ginástica no parque onde havia umas máquinas e tirámos fotografias. A meio da manhã fomos em direção à Praia da Nazaré e acabámos por almoçar em frente ao mar. O clima estava nublado e fomos dar um passeio pela cidade. Subimos ao alto da Nazaré, vimos o peixe seco e tirámos uma fotografia com a Nazarena das 7 saias e descemos à zona das ondas gigantes. Viemos jantar a casa, bifes de frango com cogumelos e natas. Durante a noite voltámos à Nazaré para comprar lembranças e fomos a um bar e apanhámos um pouco de chuva no regresso à carrinha.

Dia 6, Terça-feira, neste dia visitámos dois Mosteiros: o Mosteiro da Batalha e o Mosteiro da Alcobaça, almoçámos no jardim junto ao Mosteiro da Batalha e foi muito agradável; vimos reis e rainhas e soldados desconhecidos da grande guerra sepultados. Vimos várias coisas antigas, como chaminés muito grandes e altas. À noite ficámos em casa a descansar o corpo e a cabeça.

Dia 7, Quarta-feira nesta manhã fomos ao Bacalhôa Buddh Eden. Andámos no comboio turístico, tirámos fotos com Budas Gigantes. Havia uma ponte vermelha muito bonita sobre um grande lago com enormes peixes e patos reais. Vimos muitas estátuas, algumas tinham moedas coladas. Fomos almoçar ao parque de merendas do santuário do Senhor Jesus do Carvalhal.

Durante a tarde fomos em direção a vila de Óbidos. Vimos muitas lojas com canecas e roupa, vimos uma igreja e um castelo, também vimos cavalos com charretes e tirámos algumas fotografias. Regressámos à nossa pousada e para o nosso jantar tivemos cachorros à “moda da Milagros “.

Dia 8, Quinta-feira acordámos com um dia um pouco triste. Estávamos um pouco cansados e decidimos ficar a aproveitar a nossa pousada. Estivemos na piscina, jogámos futebol, matraquilhos e acabamos por almoçar uma excelente grelhada. Depois algumas pessoas estiveram a dormir a sesta.

Dia 9, Sexta-feira fomos à lagoa de Óbidos, perto da praia da Foz do Arelho. Entrámos na água que estava muito boa. A maré começou a encher e as nossas roupas ficaram molhadas. Almoçámos no parque de estacionamento e no final comemos um gelado. Depois viemos para a pousada, tomámos banho na piscina, à noite fomos jantar a uma pizzaria em São Martinho do Porto. Depois caminhamos na marginal e tirámos a última foto de grupo da noite.

Dia 10 sábado, acordámos, tomámos o pequeno almoço, arrumámos as nossas malas e almoçámos por lá. Ao início da tarde regressámos à Cerci. Foram uns dias inesquecíveis para todos!

O Férias Coloridas é co-financiado pelo Programa de Financiamento a Projetos do INR, IP (Projeto 299/2022)

Férias Coloridas 5

O plano é ir até São Martinho do Porto, essa terra famosa pela sua baía em forma de concha. Férias a realizar em dois turnos, de 3 a 10 de setembro e 12 a 19 de setembro.

O nosso projeto prevê proporcionar esta experiência a 20 participantes. As candidaturas estão abertas até ao dia 26 de julho! Pode ler aqui o Aviso de abertura, que descreve as condições de participação, a Ficha de Inscrição e o Regulamento da CERCIMIRA para a organização de Colónias de Férias.

O Férias Coloridas 5 é co-financiado pelo INR, I.P (Programa Nacional de Financiamento a Projetos: Projeto 299/2022).

O Trail Solidário chegou cá!

Foi um dia em cheio, em que abrimos as portas a atletas, amigos e voluntários, para acolher a tal prova solidária e ecológica, em modo de estreia absoluta.

Foi muito bom  ver o nosso quintal repleto sorrisos e boa disposição, entre amigos e as emoções do ponto de chegada, depois do desafio ou do passeio por esta natureza maravilhosa que nos rodeia!

“Sabias que a CERCIMIRA integrou 19 pessoas no ano passado?” ou que “O alargamento do Lar Residencial vai permitir apoiar mais 13 pessoas?”

Pois, quem por aqui passou terá notado as nossas pequenas mensagens espalhadas pelo jardim, durante o almoço. Essas mensagens lembraram o cariz solidário do evento, que reverte para a construção de alargamento do nosso Lar Residencial, para pessoas com deficiência e incapacidade.

Então, fica o nosso agradecimento aos mais de 700 participantes e também aos 100 voluntários que tornaram este dia possível! E fica também o convite para voltarem, já no próximo dia 2 de julho, ao nosso São Pirilampo Mágico – Festival do Petisco.

Sábado 2 de julho: o São Pirilampo está de volta!

A principal festa da CERCIMIRA vai para a 9.º Edição. O São Pirilampo – Festival do Petisco vai repetir a receita habitual: arraial, animação, boa gastronomia, música, exposição e convívio. Será um dia de portas abertas a todos quantos nos queiram visitar.

Vamos ter a música dos Menta Freska e dos Barba Rija, a animação dos Palhaços Lelito e Pancrácio, bem como dos Gaiteiros da Presa.

Adquira o seu bilhete e venha passar a tarde noite connosco. Pode fazê-lo junto dos Colaboradores da CERCIMIRA ou entrando em contacto connosco: geral@cercimira.pt ou 231 489 560.

Trail Solidário apoia a CERCIMIRA!

O “Terras da Gândara”  é um evento 3 em 1: desportivo, ambiental e solidário, porque as inscrições revertem a favor da CERCIMIRA.

A organização está com os nossos parceiros da ACR Seixo e da Freguesia do Seixo. O desafio pode ser o Trail completo (20km), uma corrida (12km) ou uma caminhada (8km). Esta é a parte desportiva. Por cada inscrição, uma árvore será plantada. Esta é a parte ambiental.  Vamos explicar a parte solidária?

A parte solidária depende das inscrições. O valor vai reverter integralmente para o financiamento do projeto de alargamento do Lar Residencial URBE.  Este projeto já está no papel e, quando for concretizado, vai permitir à CERCIMIRA apoiar mais 13 pessoas com deficiência sem suporte familiar.

No próximo dia 26 de junho, venha correr connosco! Inscrições nesta ligação: https://tinyurl.com/4pz3b9rh

crescer na diferença